jornal impresso

Edição impressa

26 Julho 2014

Ver capas anteriores

Previsões
  • Diretor: Octávio Ribeiro
  • Diretores-adjuntos: Armando Esteves Pereira, Eduardo Dâmaso e Carlos Rodrigues
Arquivo CM

O suspeito estava evadido da cadeia de Vale de Judeus

Incidente no Pinhal Novo

Ameaça PJ com arma e é baleado

Um dos suspeitos de, na semana passada, ter sequestrado no Barreiro um empresário para lhe cobrar uma alegada dívida foi ontem baleado por inspectores da Polícia Judiciária de Setúbal, depois de os ter ameaçado com uma pistola.

Por:Tânia Laranjo

 

O suspeito, que estava evadido da cadeia de Vale de Judeus, onde cumpria pena por outro crime, foi abordado no Pinhal Novo, mas resistiu. Parou o carro, puxou de uma arma e ainda tentou disparar, mas os polícias foram mais rápidos e atingiram-no com um tiro num braço.

Foi, depois, transportado ao hospital, encontrando-se livre de perigo. Vai agora responder pelo sequestro do empresário, que foi obrigado a levantar 400 euros no multibanco. Os outros dois suspeitos – que respondem por extorsão agravada, coacção grave, detenção ilegal de arma e resistência e coacção sobre funcionário – foram detidos na altura e estão em prisão preventiva.

  • Corrigir
  • Feedback
  • PARTILHAR      
Pub
Comentários a esta notícia
  • Comentário feito por:Pedro Lourenço
  • 13 Julho 2012

Ainda há gente que mesmo sem subsídio de férias continua a dar tudo pelo bom funcionamento da sociedade, Mto obrigado

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

3 vivas ao inspector da PJ que disparou o tiro e aos restantes membros da brigada. Prestaram um grande servico a sociedade. Bem hajam.

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

Pelo menos, vê-se que a malta da P.J., tem formação de tiro e sabe contra quem dispara!

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

Pelo menos, vê-se que a malta da P.J., tem formação de tiro e sabe contra quem dispara!

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

3 vivas ao inspector da PJ que disparou o tiro e aos restantes membros da brigada. Prestaram um grande servico a sociedade. Bem hajam.

  • Comentário feito por:Pedro Lourenço
  • 13 Julho 2012

Ainda há gente que mesmo sem subsídio de férias continua a dar tudo pelo bom funcionamento da sociedade, Mto obrigado

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

3 vivas ao inspector da PJ que disparou o tiro e aos restantes membros da brigada. Prestaram um grande servico a sociedade. Bem hajam.

  • Comentário feito por:Pedro Lourenço
  • 13 Julho 2012

Ainda há gente que mesmo sem subsídio de férias continua a dar tudo pelo bom funcionamento da sociedade, Mto obrigado

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

Pelo menos, vê-se que a malta da P.J., tem formação de tiro e sabe contra quem dispara!

  • Comentário feito por:Pedro Lourenço
  • 13 Julho 2012

Ainda há gente que mesmo sem subsídio de férias continua a dar tudo pelo bom funcionamento da sociedade, Mto obrigado

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

Pelo menos, vê-se que a malta da P.J., tem formação de tiro e sabe contra quem dispara!

  • Comentário feito por: Anónimo
  • 13 Julho 2012

3 vivas ao inspector da PJ que disparou o tiro e aos restantes membros da brigada. Prestaram um grande servico a sociedade. Bem hajam.

COMENTAR
Título
Texto

Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.

Registe-se no site do CM para deixar de preencher os seus dados pessoais quando comenta as noticias.
COMENTAR
Título
Texto
Nome
Email
Localidade
Anónimo

Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.


Pub
Pub


SONDAGEM

MECO: Aceita-se o arquivamento do processo?

Votar »« Ver resultados


<>
VEJA AQUI MAPA ACTUALIZADO
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte,
sem prévia permissão por escrito da Presslivre, S.A. ,
uma empresa Cofina Media - Grupo Cofina.
Consulte as condições legais de utilização.