16.02.2014  21:14
Detida por homicídio admite ser assassina em serie
Miranda Barbour, 19 anos, da Pensilvânia, disse que matou pelo menos 22 pessoas enquanto fez parte de uma seita satânica.

A adolescente americana acusada do homicídio de um homem, depois de o ter atraído para um encontro no site ‘Craigslist', revelou ser uma assassina em serie que parou de contar as mortes quando chegou ao 22º homicídio.

Elytte Barbour, de 22 anos, e Miranda Barbour tiveram o primeiro contacto com a vítima através do site de classificados, em novembro.

Troy LaFerrara conheceu os Barbour depois de Miranda concordar fazer sexo com ele por cerca de 73 euros.  Miranda aguardou LaFerrara no centro comercial enquanto o seu marido os esperava escondido na mala do carro. O ministério público pretende acusar casal Barbour pelo homicidio do homem de 42 anos.

"Discutimos e as coisas ficaram fora de controlo", Explicou Miranda à polícia.  Mais tarde o corpo foi encontrado num beco Sunbury, na Pensilvânia.

Em declarações ao jornal ‘Sunbury'  Miranda Barbour acabou por confessar que esta foi a primeira vez que esteve envolvida num assassinato desde que saiu do culto satânico, no Alasca, de que fazia parte desde os treze anos. De acordo com as declarações, o jovem o líder do culto levou-a a matar pessoas que lhe deviam dinheiro.

"Quando eu cheguei às 22, eu deixei de contar". A maioria das mortes aconteceu no Alasca, mas Miranda revelou que também houve assassinatos no Texas, Carolina do Norte e Califórnia.

O jornal adiantou ainda que Miranda não se arrepende do que fez, acrescentando que, se fosse libertada "o faria de novo."

Mas que está pronta para revelar à polícia tudo sobre as outras vitimas. "Eu posso identificar os locais num mapa e vocês podem encontrá-los", disse.

EUA enviam mais 350 militares para o Iraque - Casa Branca02:53

Incêndio lavra em fábrica de materiais escolares em Ermesinde01:44

Bolsa de Tóquio abriu sessão em alta de 0,79%01:21

Incêndio em fábrica desativada01:02

Famílias exigem mensagens do dux00:30

Almoços grátis00:30

Não há duas sem três...00:30

Radar00:30

Corte urgente00:30

Ação cível tenta anular divisão do BES00:30

Blog00:30

Tony paga aulas a David00:30

98 pedófilos apanhados em sete meses00:30

Aumento de capital com verba do Montepio00:30

Morre esmagado por tampa de ferro00:14

Ucrânia: Rússia promete reagir à ameaça do aumento da presença NATO nas suas fronteiras23:53

Lista de pedófilos condenados é eficaz na prevenção?23:31

Morgan Stanley reduz posição na Portugal Telecom para 1,96%23:26

Hollande manifesta horror por decapitação de jornalista23:09

Venezuelanos criam versão chavista do Pai Nosso católico 23:02

Venezuela acusa canal TNT de atacar o presidente 22:30

John Kerry reúne-se com negociadores palestinianos21:51

Trabalhadores da Lusa entregam queixa contra o Governo21:27

Mickey e Spongebob espancam condutor21:24

EUA "desolados" com decapitação de jornalista por islamitas21:13

Apple não encontra falha de segurança21:02

ONU alerta que ébola pode chegar a mais países21:00

Volta a França de 2014 sem casos de doping20:43

Saiba os números do Euromilhões20:38

Juiz espanhol liberta pais que levaram filho de hospital20:38

Obras da 31.ª Bienal de São Paulo no Museu de Serralves20:35

CGTP manifesta-se em frente à AR dia 11 de setembro20:14

CIES estima em 16 por cento a inflação no mercado do futebol20:12

Mãe francesa reencontra-se com filha levada por pai islâmico20:12

Mais de 400 operacionais combatem quatro fogos florestais20:04

Proteção Civil alerta para perigo de incêndio florestal19:55

Pepe ausente do primeiro treino da seleção portuguesa19:40

Capacetes azuis mortos em explosão no norte do Mali19:36

Júlio César tira lugar a Artur19:36

Suspeito de esfaquear idoso em Alijó em prisão preventiva19:16

Enviar o artigo: Detida por homicídio admite ser assassina em serie
Comentários
enviar
MAIS NOTÍCIAS DE Cm ao Minuto