jornal impresso

Edição impressa

23 Abril 2014

Ver capas anteriores

  • Diretor: Octávio Ribeiro
  • Diretores-adjuntos: Armando Esteves Pereira, Eduardo Dâmaso e Carlos Rodrigues

Revela televisão sul-coreana

Filho de Kim Jong-il com passaporte português

Kim Jong-nam, o filho mais velho do líder norte-coreano Kim Jong-il, vive em Macau e tem passaporte português, revelou esta quinta-feira a estação de televisão sul-coreana YTN.

  • 01 de Fevereiro 2007, 09h48
  • Nº de votos (0)
  • Comentários (7)

 

A informação, também avançada pelo jornal "South China Morning Post", de Hong Kong, não foi confirmada pela embaixada da Coreia do Norte em Pequim.
A propósito desta notícia, uma fonte oficial da comitiva que acompanha o primeiro-ministro José Sócrates à China, alegou que, a ser verdade, o passaporte na posse do filho do ditador norte-coreano “só pode ser falso”.
A mesma opinião tem o cônsul português em Macau. Questionado pela rádio TSF sobre o documento, Pedro Moitinho de Almeida garante que ele, a existir, é certamente falso.
  • Corrigir
  • Feedback
  • PARTILHAR      
Pub
Comentários a esta notícia

Página

    • Comentário feito por:Manuel LOPES
    • 01 Fevereiro 2007

    EM caso de o papa ser preso por genocidio fugira para quaquer lado com um passaporte de um país europeu. Como ele procurou este documento? No consulado ou comprou numa loja? Aqui fica a pergunta para o MNE.

    • Comentário feito por:Aristides
    • 01 Fevereiro 2007

    Não sei se é falso!

    • Comentário feito por:algarvio
    • 01 Fevereiro 2007

    So pode ser falso? E uma HONRA este sr ilustre ser (querer, pois vai precisar) nosso compatriota. Que vai o Governo fazer?Convidá-lo a Lisboa, com a POMPA devida? Será que o NOSSO PASSAPORTE está à venda? Talvez possamos, atraves do "nosso" novo Compatriota, influenciar as relaçoes Coreias Norte/Sul/USA, como Sócrates, e não só, gosta de "prometer", ex: Ex Colonias/Brasil/India/China.

    • Comentário feito por:manuel vale
    • 01 Fevereiro 2007

    Um bom ponta de lança para a nossa selecção! À atenção do sr. Scollari...

    • Comentário feito por:bjecas
    • 01 Fevereiro 2007

    Penso que alguns dos comentários acima são infelizes. Quanto a "compra" de passaportes, toda a gente sabe, ou pelo menos deveria saber, que existem imensas falsificações, podendo ser adquiridas em variadissimos locais. Quanto as a ser nosso Compatriota e servir de ligação para as relações com a Corea do Norte, não consiguo perceber que tipo de relações se querem com um país deste genero.

    • Comentário feito por:Quelhas
    • 01 Fevereiro 2007

    Não há ainda muito tempo que algum pessoal do Bin Laden possuia passaportes portugueses. Isso foi badalado e antes, tinham sido roubados passaportes e vinhetas/vistos portugueses em consulados da Europa e da Ásia. Pode ser verdadeiro o passaporte... e algum funcionário corrupto de um consulado, português lho tenha passado e claro está, a troco de dólares.

    • Comentário feito por:JORGE SANTOS
    • 01 Fevereiro 2007

    Toda gente sabe que para ter um passaporte portugues falso é a coisa mais facil do mundo.

    • Comentário feito por:Manuel LOPES
    • 01 Fevereiro 2007

    EM caso de o papa ser preso por genocidio fugira para quaquer lado com um passaporte de um país europeu. Como ele procurou este documento? No consulado ou comprou numa loja? Aqui fica a pergunta para o MNE.

    • Comentário feito por:Aristides
    • 01 Fevereiro 2007

    Não sei se é falso!

    • Comentário feito por:algarvio
    • 01 Fevereiro 2007

    So pode ser falso? E uma HONRA este sr ilustre ser (querer, pois vai precisar) nosso compatriota. Que vai o Governo fazer?Convidá-lo a Lisboa, com a POMPA devida? Será que o NOSSO PASSAPORTE está à venda? Talvez possamos, atraves do "nosso" novo Compatriota, influenciar as relaçoes Coreias Norte/Sul/USA, como Sócrates, e não só, gosta de "prometer", ex: Ex Colonias/Brasil/India/China.

    • Comentário feito por:manuel vale
    • 01 Fevereiro 2007

    Um bom ponta de lança para a nossa selecção! À atenção do sr. Scollari...

    • Comentário feito por:bjecas
    • 01 Fevereiro 2007

    Penso que alguns dos comentários acima são infelizes. Quanto a "compra" de passaportes, toda a gente sabe, ou pelo menos deveria saber, que existem imensas falsificações, podendo ser adquiridas em variadissimos locais. Quanto as a ser nosso Compatriota e servir de ligação para as relações com a Corea do Norte, não consiguo perceber que tipo de relações se querem com um país deste genero.

    • Comentário feito por:Quelhas
    • 01 Fevereiro 2007

    Não há ainda muito tempo que algum pessoal do Bin Laden possuia passaportes portugueses. Isso foi badalado e antes, tinham sido roubados passaportes e vinhetas/vistos portugueses em consulados da Europa e da Ásia. Pode ser verdadeiro o passaporte... e algum funcionário corrupto de um consulado, português lho tenha passado e claro está, a troco de dólares.

    • Comentário feito por:JORGE SANTOS
    • 01 Fevereiro 2007

    Toda gente sabe que para ter um passaporte portugues falso é a coisa mais facil do mundo.

    • Comentário feito por:Manuel LOPES
    • 01 Fevereiro 2007

    EM caso de o papa ser preso por genocidio fugira para quaquer lado com um passaporte de um país europeu. Como ele procurou este documento? No consulado ou comprou numa loja? Aqui fica a pergunta para o MNE.

    • Comentário feito por:Aristides
    • 01 Fevereiro 2007

    Não sei se é falso!

    • Comentário feito por:algarvio
    • 01 Fevereiro 2007

    So pode ser falso? E uma HONRA este sr ilustre ser (querer, pois vai precisar) nosso compatriota. Que vai o Governo fazer?Convidá-lo a Lisboa, com a POMPA devida? Será que o NOSSO PASSAPORTE está à venda? Talvez possamos, atraves do "nosso" novo Compatriota, influenciar as relaçoes Coreias Norte/Sul/USA, como Sócrates, e não só, gosta de "prometer", ex: Ex Colonias/Brasil/India/China.

    • Comentário feito por:manuel vale
    • 01 Fevereiro 2007

    Um bom ponta de lança para a nossa selecção! À atenção do sr. Scollari...

    • Comentário feito por:bjecas
    • 01 Fevereiro 2007

    Penso que alguns dos comentários acima são infelizes. Quanto a "compra" de passaportes, toda a gente sabe, ou pelo menos deveria saber, que existem imensas falsificações, podendo ser adquiridas em variadissimos locais. Quanto as a ser nosso Compatriota e servir de ligação para as relações com a Corea do Norte, não consiguo perceber que tipo de relações se querem com um país deste genero.

    • Comentário feito por:Quelhas
    • 01 Fevereiro 2007

    Não há ainda muito tempo que algum pessoal do Bin Laden possuia passaportes portugueses. Isso foi badalado e antes, tinham sido roubados passaportes e vinhetas/vistos portugueses em consulados da Europa e da Ásia. Pode ser verdadeiro o passaporte... e algum funcionário corrupto de um consulado, português lho tenha passado e claro está, a troco de dólares.

    • Comentário feito por:JORGE SANTOS
    • 01 Fevereiro 2007

    Toda gente sabe que para ter um passaporte portugues falso é a coisa mais facil do mundo.

    COMENTAR
    Título
    Texto

    Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

    Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.

    Registe-se no site do CM para deixar de preencher os seus dados pessoais quando comenta as noticias.
    COMENTAR
    Título
    Texto
    Nome
    Email
    Localidade
    Anónimo

    Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

    Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.

    Pub
    Pub


    SONDAGEM

    FUTEBOL: Lisboa faz bem em não apresentar candidatura ao Euro2020?

    Votar »« Ver resultados


    <>
    VEJA AQUI MAPA ACTUALIZADO
    Copyright © 2011. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte,
    sem prévia permissão por escrito da Presslivre, S.A. ,
    uma empresa Cofina Media - Grupo Cofina.
    Consulte as condições legais de utilização.