jornal impresso

Edição impressa

21 Agosto 2014

Ver capas anteriores

Previsões
  • Diretor: Octávio Ribeiro
  • Diretores-adjuntos: Armando Esteves Pereira, Eduardo Dâmaso e Carlos Rodrigues

A voz da razão

Foi para isto?

Quando o país discutiu o aborto (mentira: ninguém discutiu nada no meio da gritaria), havia quem dissesse que o aborto clandestino devia ser enfrentado com mais informação e responsabilidade pessoal.

Por:João Pereira Coutinho, Colunista




Os adeptos da liberalização recusaram o argumento: ou a prática era livre ou não era. Mais: livre e paga pelos contribuintes, como se a gravidez fosse uma doença. Os resultados estão à vista: desde 2007, realizaram-se em Portugal 80 mil ‘interrupções’. Dessas 80 mil, 13 500 foram repetições. Só em 2010, segundo os dados oficiais estudados pela Federação Portuguesa pela Vida, houve 4651 repetições – e 978 pela segunda, ou terceira, vez.

Moral da história? O aborto clandestino recuou (excelente notícia); mas os hospitais passaram a ser usados para abortar gratuitamente e em série. A irracionalidade económica do arranjo fura os olhos de qualquer um. Mas, deixando de lado a contabilidade, fica o bom senso: foi para isto que se ganhou um referendo.

  • Corrigir
  • Feedback
  • PARTILHAR      
Outras de Opinião
Pub
Comentários a esta notícia
  • Comentário feito por:manuel
  • 22 Abril 2012

Mas o problema não é o excesso de população, é precisamente o contrário. E a má distribuição da riqueza, claro. E claro, o Ministério da Saúde devia subsidiar doenças, apenas, e não imaginações de doenças.

  • Comentário feito por:Catita
  • 22 Abril 2012

Não é bom para o Coutinho nem para esta direita miserável PSD/CDS. Seria muito melhor deixá-los vir a este Portugal de miséria, pois teria um futuro promissor, quiçá removendo caixotes do lixo em busca da subsistência

  • Comentário feito por:Paulo Ferreira
  • 22 Abril 2012

Infeliz o "aborto" é a 3ª causa de morte em Portugal, a seguir às mortes por doenças cárdio-vasculares e às doenças por cancro.

  • Comentário feito por:Paulo Ferreira
  • 22 Abril 2012

Infeliz o "aborto" é a 3ª causa de morte em Portugal, a seguir às mortes por doenças cárdio-vasculares e às doenças por cancro.

  • Comentário feito por:Catita
  • 22 Abril 2012

Não é bom para o Coutinho nem para esta direita miserável PSD/CDS. Seria muito melhor deixá-los vir a este Portugal de miséria, pois teria um futuro promissor, quiçá removendo caixotes do lixo em busca da subsistência

  • Comentário feito por:manuel
  • 22 Abril 2012

Mas o problema não é o excesso de população, é precisamente o contrário. E a má distribuição da riqueza, claro. E claro, o Ministério da Saúde devia subsidiar doenças, apenas, e não imaginações de doenças.

  • Comentário feito por:Catita
  • 22 Abril 2012

Não é bom para o Coutinho nem para esta direita miserável PSD/CDS. Seria muito melhor deixá-los vir a este Portugal de miséria, pois teria um futuro promissor, quiçá removendo caixotes do lixo em busca da subsistência

  • Comentário feito por:manuel
  • 22 Abril 2012

Mas o problema não é o excesso de população, é precisamente o contrário. E a má distribuição da riqueza, claro. E claro, o Ministério da Saúde devia subsidiar doenças, apenas, e não imaginações de doenças.

  • Comentário feito por:Paulo Ferreira
  • 22 Abril 2012

Infeliz o "aborto" é a 3ª causa de morte em Portugal, a seguir às mortes por doenças cárdio-vasculares e às doenças por cancro.

  • Comentário feito por:Paulo Ferreira
  • 22 Abril 2012

Infeliz o "aborto" é a 3ª causa de morte em Portugal, a seguir às mortes por doenças cárdio-vasculares e às doenças por cancro.

  • Comentário feito por:manuel
  • 22 Abril 2012

Mas o problema não é o excesso de população, é precisamente o contrário. E a má distribuição da riqueza, claro. E claro, o Ministério da Saúde devia subsidiar doenças, apenas, e não imaginações de doenças.

  • Comentário feito por:Catita
  • 22 Abril 2012

Não é bom para o Coutinho nem para esta direita miserável PSD/CDS. Seria muito melhor deixá-los vir a este Portugal de miséria, pois teria um futuro promissor, quiçá removendo caixotes do lixo em busca da subsistência

COMENTAR
Título
Texto

Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.

Registe-se no site do CM para deixar de preencher os seus dados pessoais quando comenta as noticias.
COMENTAR
Título
Texto
Nome
Email
Localidade
Anónimo

Nota: Os comentários deste site são publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus autores. O Correio da Manhã reserva-se ao direito de apagar os comentários abusivos e com linguagem inadequada.

Aparecer como anónimo - Ao escolher opção os seus dados (nome e e-mail) serão ocultados.

Pub
Pub


SONDAGEM

SPORTING: Equipa precisa de mais reforços?

Votar »« Ver resultados


<>
VEJA AQUI MAPA ACTUALIZADO
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte,
sem prévia permissão por escrito da Presslivre, S.A. ,
uma empresa Cofina Media - Grupo Cofina.
Consulte as condições legais de utilização.